Welink Builders Welink Builders
Mande verificar o seu imóvel por um profissional da construção para melhorar as vendas

Mande verificar o seu imóvel por um profissional da construção para melhorar as vendas

Welink Builders

Welink Builders

É frequentemente esquecido, mas vender um imóvel envolve uma responsabilidade para com o comprador. Um proprietário é obrigado a oferecer um apartamento ou casa livre de defeitos ou a informar o comprador de quaisquer irregularidades. Para se proteger (mas também para vender melhor), utilize uma abordagem que não é muito comum: a verificação dos próprios bens por um profissional da construção.

 

 

Resumo:

 

1. Porquê verificar os seus bens?

  • a. Conclusão do diagnóstico obrigatório dos bens
  • b. Evitar o risco de litígio
  • c. Assegurando potenciais compradores
  • d. Vender melhor o seu imóvel

2. Quem contactar para que os seus bens sejam verificados?

  • a. Um profissional especializado em construção
  • b. Um inspector de edifícios
  • c. Um escritório de design especializado

 

 

1. Porquê verificar os seus bens?

 

Conclusão do diagnóstico obrigatório dos bens

A venda de um imóvel é acompanhada de uma série de diagnósticos técnicos obrigatórios a serem fornecidos ao comprador. Diagnóstico do desempenho energético, detecção de amianto, conformidade da instalação elétrica, verificação da área habitacional: todos estes documentos atestam o estado do imóvel no momento da venda, de acordo com vários pontos de controlo essenciais. 

 

No entanto, são relativamente visados e nenhum deles olha para o próprio edifício. O estado dos pavimentos, a impermeabilização, a estrutura de suporte de carga ou a presença de humidade não são examinados antes da venda. Os agentes imobiliários têm alguns conhecimentos técnicos da sua experiência, mas não estão autorizados a produzir uma perícia técnica 'oficial'. 

 

Uma inspecção pré-venda é semelhante a uma inspecção técnica dos seus bens, que seria além das vistorias obrigatórias. Evidentemente, este procedimento não é atualmente imposto e permanece por iniciativa do vendedor (ou do comprador).

 

 

Evitar o risco de litígio

Um proprietário é obrigado a informar o comprador de quaisquer defeitos ou anomalias de que tenha conhecimento antes da venda do imóvel. Alguns destes defeitos podem ser incluídos nos relatórios técnicos obrigatórios, provando assim que o comprador tinha conhecimento dos mesmos no momento da assinatura do acordo preliminar de venda.

Contudo, certos defeitos não visíveis podem existir antes da transacção sem o conhecimento do proprietário. É então difícil provar a falta de conhecimento do defeito se o comprador sofrer danos ou for obrigado a realizar trabalhos de reparação. Um relatório de inquérito completo fornecido ao comprador antes da conclusão da transacção poderia ser uma prova irrefutável da ausência de um defeito no momento da venda. Ou, na situação oposta, provas de que o futuro proprietário estava ciente dos defeitos antes de se comprometer com a compra do imóvel. 

 

 

Assegurando potenciais compradores 

Comprar um imóvel pode ser uma fonte de ansiedade, especialmente quando se trata de uma casa antiga a ser renovada. Muitos compradores que desejam empreender a renovação têm, na realidade, poucos conhecimentos técnicos no momento da compra. Por conseguinte, têm frequentemente dificuldade em decidir sobre uma casa ou apartamento sem conhecer as limitações técnicas e orçamentais que enfrentarão. 

 

Um relatório técnico neutro sobre o estado real do imóvel para venda pode informá-los de forma transparente e "pressioná-los" a fazer uma oferta de compra (se o relatório for favorável, é claro). 

 

Saber que a impermeabilização está em boas condições, que não existem grandes problemas estruturais ou que nenhum equipamento caro precisa de ser substituído é um sinal seguro de segurança!

 

 

Vender melhor o seu imóvel

Um proprietário vendedor que afirma que a sua propriedade não tem defeitos, por vezes não é suficiente para inspirar confiança. Os compradores podem ser tentados a negociar o preço de venda para baixo por desconfiança, ou devido à falta de um documento oficial, como um diagnóstico. 

 

Um estudo objetivo realizado por um terceiro atesta o estado dos seus bens (bom ou mau). Se não houver problemas, pode utilizar este argumento para recusar pedidos de negociações e possivelmente justificar o seu preço. Se houver, pode ajustar o seu preço em conformidade ou realizar trabalhos de reparação, dependendo da extensão da desordem. 

 

 

2. Quem contactar para que os seus bens sejam verificados?

 

Um profissional especializado em construção

A primeira possibilidade de ter a sua propriedade verificada é contactar diretamente um profissional da construção (ou vários, dependendo da situação). Por exemplo, se tiver quaisquer dúvidas sobre o estado do seu telhado, pode contactar um carpinteiro ou empreiteiro para efectuar um diagnóstico. Tem também a possibilidade de fazer diagnósticos adicionais para assegurar o estado da sua propriedade (diagnóstico de humidade ou infiltração de ar para melhorar a estanqueidade da sua casa).

 

Se a sua propriedade necessitar de reparações, o profissional poderá dar-lhe uma estimativa. Poderá então decidir se realiza o trabalho você mesmo ou transmitir o orçamento ao seu comprador, provando assim que o informou sobre os defeitos. 

 

É de notar que se não houver defeitos, é muito raro que um construtor lhe envie um certificado declarando que é responsável após a sua visita. 

 

 

Um inspector de edifícios

O inspector de construção é uma profissão pouco conhecida na área da construção. Intervêm em muitas situações que exigem conhecimentos especializados sobre a conformidade dos edifícios e o cumprimento das normas. A inspecção de um imóvel antes da sua colocação à venda insere-se, portanto, no seu campo de competência.

 

O inspector pode ser delegado pelo vendedor, pelo comprador ou trabalhar em parceria com agentes imobiliários. A missão do inspector é verificar o imóvel à venda, estudando a sua conformidade com os regulamentos em vigor e o estado de todas as obras que o compõem (estrutura, aspecto exterior e equipamento). Pode também dar uma opinião sobre a consistência do preço de venda com o estado do edifício. Contudo, o seu papel não é o de estimar o preço dos trabalhos de reparação. 

 

Na sequência da visita, é enviado ao requerente um relatório de inspecção detalhado. Este documento enumera os erros encontrados (independentemente da sua importância) de acordo com uma lista pré-estabelecida de pontos de controlo. É favor notar que este documento é apenas factual. Fornece uma avaliação objectiva do estado de reparação de um edifício num dado momento (tal como um diagnóstico de amianto, por exemplo). Os vendedores ou compradores são então livres de realizar ou não o trabalho, de comprar ou não o imóvel. 

 

 

Um escritório de design especializado

Outra possibilidade, que ainda é bastante rara, é recorrer aos serviços de um escritório de design especializado. Esta solução é frequentemente considerada se houver uma suspeita de um problema estrutural importante ou se um imóvel estiver a ter dificuldades em encontrar um comprador.

 

Por exemplo, se o seu Certificado Energético revelar um mau desempenho e este defeito representar um verdadeiro obstáculo à venda, é possível recorrer aos serviços de um gabinete de desenho térmico. Este último poderá identificar os pontos fracos da sua casa e propor uma lista de soluções para a renovação energética do seu imóvel.

É claro que isto implicará custos e só deve ser considerado se estiver a ter dificuldades em vender.

 

Existem também escritórios de design acústico competentes para encontrar soluções para a poluição sonora grave (auto-estrada, proximidade de um centro de cidade movimentado ou bairro ruidoso) ou empresas especializadas em estruturas que podem aconselhá-lo sobre a viabilidade de aberturas na parede portadora de carga. 

 

Última possibilidade: contactar um arquitecto ou designer de interiores. Se a sua propriedade é antiga e requer grandes obras de renovação, é possível que os seus compradores tenham dificuldade em planear com antecedência. Um estudo de viabilidade realizado por um arquitecto, juntamente com uma estimativa orçamental, poderia desbloquear a situação e desencadear uma venda. 

 

A verificação pré-venda de qualquer tipo é frequentemente benéfica tanto para o vendedor como para o comprador. O vendedor beneficia da paz de espírito ao saber que toda a informação relativa ao imóvel está a ser transmitida ao comprador, sem o risco de uma disputa subsequente. O comprador, por seu lado, tem toda a informação de que necessita para tomar uma decisão e pode comprometer-se a uma compra de propriedade com tranquilidade, sem o risco de surpresas desagradáveis.

Encontre o seu profissional de construção perto de si
TreinaSucesso Lda Agualva-Cacém (2735-108)
Aberto
Mais resultados

Se você gostou de " Mande verificar o seu imóvel por um profissional da construção para melhorar as vendas "
você também gostará de:

É um profissional de construção?

Referencie a sua empresa no Welink Builders